Louremar no Facebook Louremar no Twitter
Candidatos fazem pouco caso da Justiça Eleitoral no momento da declaração de bens
Publicada em 24/08/2016 às 01:20:21

A constatação foi feita em matéria do jornalista Samir Aranha (foto) de O Imparcial. Samir analisou as declarações de bens dos candidatos a prefeito no Maranhão.

Embora seja um item obrigatório para o registro de candidatura, as informações prestadas pelos candidatos nem sempre são verídicas. Os candidatos nao tem a obrigação de apresentarem a declaração de bens com valores atuais. Na matéria de Samir Aranha, ele destaca a existencia de bens abaixo de mercado, ausência de qulalquer valor declarado como bem, negociações curiosas e grandes quantias de moeda em espécie chamam a atenção após uma rápida pesquisa.

Amparo na legislação

A legislação eleitoral é pouco específica no que diz respeito às regras que os candidatos devem seguir na hora de formular sua declaraçao de bens. O Código Eleitoral, apresentado em 1965, determinou que o registro de candidatura pressupõe a apresentação de uma declaração de bens, que incluísse “a origem e as mutações patrimoniais”. Em 1997, no entanto, a exigência tornou-se mais branda, com a sanção da Lei Eleitoral. O texto estabelece explicitamente que basta uma “declaração de bens, assinada pelo candidato” para que a candidatura seja considerada válida. Apesar dessa lei não revogar de maneira explícita a exigência antiga, em termos práicos, um acordão publicado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), após o julgamento de um caso que envolvia essas duas normas em 2006, decidiu que a obrigatoriedade de se listar a origem e o valor atualizaado dos bens foi revogada tacitamente pela legislação mais recente.

Caso roseana Sarney

O caso julgado em 2006 envolvia a então candidata ao governo do Maranhão Roseana Sarney. Na ocasião, ela declarou à Justiça Eleitoral uma lista de16 bens que compunham seu patrimonio, mas apenas informou o valor de um deles. Todos os outros 15 - incluindo ações e cotas de empresa, um Ford EcoSport e imóveis em Brasilia, Rio, São Luis e em uma ilha próxima à capital maranhense – foram registrados como valor de R$ 0. Seus adversários na disputa eleitoral entraram com um pedido de impugnação da sua candidatura, afirmando que a lei exigia que o candidato especificasse os valores atualizados dos bens declarados. O Ministério Público Eleitoral concordou com a tese, mas o TSE, não. Dessa maneira, a atual jurisprudência do tribunal entende que nenhum candidato é obrigado a atualizar os preços de seus bens.

As maiores disparidades

Oito candidatos das cidades pesquisadas afirmaram ter alguma qantida de dinheiro em espécie. Os valores chegam a R$ 2 milhões, como é o caso do candidato a prefeito Francisco Nagig (PDT), em Codó. Outra vultosa quantida é guardada por Alberico Filho, candidato do PMDB em Barreirinhas. Ele declara ter R$ 550 mil disponíveis em mão; O candidato Zé Reis (PP), de Aldeias Altas, declarou ter o equivalente a R$ 180 mil em moeda estrangeira; Já Magno Bacelar (PV), tem 150 mil guardados.

A candidata Abigail Cunha (PSDB), que concorre à Prefeitura de Jenipapo dos Vieiras parece não ter tino comercial. Em sua declaração é apresentada a venda de uma Land Rover Freelander 2.2 ano 2015, por R$ 1.00. O felizardo comprador foi o deputado estadual Edson Araújo (PSL), que parece ter economizado algo próximo de R$ 160 mil na transação.

Apê baratinho

R$ 4.096.70 é quanto Albertio Filho (PMDB) informou ter pago ao adquirir um apartamento junto à empresa João Fortes Engenhaia. Um negócio e tanto. Alan Linhares (PC do B), candidato à reeleição em Bacabeira, por sua vez, declarou um apartamento no condomínio Grand Park, no bairro do Barramar, em São Luis , por R$ 24.200.00.

Bons denegócio

Candidata do PSD em Chapadinha, Raimunda Maria parece ter realizado um grande negócio. Ela adquiriu uma caminhonete Ranger XLS 2013 por apenas cinquenta reais. Ja Bebê do PSOL, candidato a prefeito em Arari, declara um veículo sem especificar o modelo ou a marca, por R$ 10.00. Deve ser de brinquedo. Dr. Julinho (PMDB), candidato em São José de Ribamar, afirma que um Chevrolet Agile 2011 tem o valor de R$ 4.000.00. Mesmo considerando os valores de depreciação os valores ainda estão, explicitamente, abaixo de qualquer senso com a realidade.

Vacas magras

João Dominici, candidato do PSDB à prefeitura em São João Batista, apresenta em sua declaração de bens alguns dados curiosos: uma fazenda com 500 búfalos tem o valor de apenas R$ 70.000.00. Uma segunda propriedade, com 106 cabeças de gado, também é cotada na declaração em R$ 70.000.00. Já uma terceira fazenda, com 150 cabeças de ado, é cotada por R$ 80.000.00

Terras baratas

Zé Reis, candidato do Partido Progressista e Aldeias Altas, apresenta em sua declaração de bens alguns negócios invejáveis. A Fazenda Robéria, com 650ha, foi adquirida por 8 mil reais. Já a Fazenda Gabriela foi ainda mais barata: R$ 5.000,00 por 200 hectares de terra. Magno Bacelar (PV) declara três glebas, com um total de 1.659.695 ha, por R$ 69.397.28. Já Chico Coelho, candidato em Balsas pelo PSL, a Fazenda Karaibas, com 750 hectares de terra, aparece com valor de R$ 47.000.00

A matéria completa pode ser lida aqui

Coligação de Zé Vieira perde o PSDB e Carlinhos Florêncio é apontado como o vilão

A coligação encabeçacada pelo ex-deputado federal Zé Vieira não conta mais com o PSDB. O partido está novamente sob o comando do ex-aliado de Zé Vieira, Almir Rosa Júnior e hoje candidato a vice-prefeito na chapa de Roberto Costa (PMDB).

Rio 2016: Brasil faz a sua melhor campanha e termina em 13º

Tóquio 2020 começou no Rio para o Japão. Mesmo quatro anos antes de sediar os Jogos, os resultados em 2016 mostram que o país já está no caminho para ser uma das principais potências olímpicas. Foram os japoneses os que tiveram evolução mais significativa no quadro de medalhas no Brasil, saindo do 11º lugar em Londres para sexto. Da Ásia vem também a principal decepção. O terceiro lugar não chega a ser um fracasso mas, com 12 ouros a menos, a China perdeu a vice-liderança para a Grã-Bretanha. No topo, os Estados Unidos seguem intocáveis e ainda mais folgados.

Em Bacabal resultado de pesquisa alimenta a campanha no final de semana

A disputa eleitoral em Bacabal tem como fato novo no final de semana, o resultado de uma pesquisa de intenção de votos.

Ministério Público pede impugnação de candidatura de Zé Vieira

A disputa eleitoral em Bacabal tem como fato novo no final de semana, o resultado de uma pesquisa de intenção de votos.

Eleição em Bacabal: a quem favorece a proibição da propaganda na TV?

 Na última eleição municipal foi proibida a veiculação da propaganda eleitoral gratuita nas emissoras de televisão.

Espírito olímpico: corredoras que caíram durante prova se ajudam e são classificadas para final mesmo chegando em último

Duas corredoras foram celebradas como verdadeiras atletas olímpicas após pararem, em momentos diferentes da corrida, para ajudar a rival caída na pista. Abbey D'Agostino, de 24 anos, ajudou a neozelandesa Nikki Hamblin, que caiu após as duas se enroscarem nas eliminatórias dos 5.000 metros no Rio. "Levante-se. Temos que terminar isso", disse D'Agostino à rival.

 Parceiros
 Enquete
 Vídeo Destaque
 Áudio Destaque
  Louremar no Facebook
  Estatísticas de acesso
» Usuários on-line: 3
» Notícias lidas hoje: 78
» Notícias lidas ontem: 671
» Total de Visitas: 5114574
© Copyright 2013 - Louremar Fernandes